Sobre Quase Tudo

Apenas outro blog WordPress.com

A vingança é uma virtude

Posted by marciomoya em 07/06/2009

Pode parecer estranho e nada convencional, mas a vingança é pouco usada da forma correta e muito usada da forma errada. Por esse motivo pode parecer ridícula a idéia de que a vingança possa ser uma virtude, pois como sabemos e vemos muitas vezes casos de “vinganças” que causam muitos danos a alguém ou até mesmo a morte.

Mas como algo tão destrutivo e aparentemente cruel e repulsivo pode ser uma virtude? Todos nós temos como virtude algo com grande e/ou total inclinação para o bem. Uma pessoa virtuosa é aquela que pratica o bem, faz tudo para andar e permanecer no caminho do bem, evitando tudo aquilo que possa levá-lo a adquirir qualquer tipo de vício. Virtude é algo bom. Vingança é algo ruim certo? Errado!

Vingança é a ação de punir ou castigar alguém. Quem puni uma pessoa não faz por mal. Quem puni procura corrigir um erro ou uma injustiça cometida por essa pessoa. Quem procura corrigir algo sempre procura corrigir o errado para tornar certo, transformar o mal em algo bom. Dessa forma quem faz uso da vingança está procurando promover o bem. Alem disso vingança vem de Vingar. Vingar também significa crescer. Quem se vinga deve promover o crescimento, caso contrario não está se vingando, está fazendo outra coisa provavelmente muito pior.

Podemos falar que é quase certo que poucos são aqueles que se vingam pensando no crescimento do outro. Na verdade a vingança hoje é usada da maneira errada. Hoje quem se “vinga” tem como intenção revidar uma ofensa com o mesmo ou um grau maior de crueldade. Quem se “vinga” não procura corrigir o que foi feito, na verdade aumenta ainda mais o erro cometido com a desculpa de que foi ofendido e dessa forma se sente no direito de fazer o que fez.

Retribuir a ação negativa sofrida por alguém na verdade não é uma vingança é apenas mais um ato negativo e agressivo, é uma crueldade cometida pela pessoa que sofreu a primeira ação negativa. Quem faz algo errado deve ser punido, quem revida deve ser punido duas vezes. É como dizem “Errar é humano, persistir no erro é burrice”. Sabemos que um erro foi cometido, podemos punir a pessoa que nos infringiu essa ação de uma forma correta, em vez disso queremos nos “vingar” dessa pessoa o mais rápido possível com aquele velho pensamento “Isso não vai ficar assim”. Com isso atacamos essa pessoa, nos vingamos dela com mais agressividade ou como poderia ser colocado, agimos de uma forma mais cruel.

Quem retribui algo não se vinga, age com crueldade, pois quer unicamente ver o mal da outra pessoa. Saber a diferença entre vingança e crueldade é necessário. Se isso vai mudar alguma coisa eu não sei, mas é provável que sim. As palavras exercem grande poder sobre a nossa vida. Apesar de muitos considerarem a vingança como algo errado, temos a crueldade como algo abominável, e nesse pequeno joga de palavras, apesar de parecer besteira, muitos vão querer evitar serem vistos como um ser cruel e abominável.

Virtudes são boas e quando seguem um caminho oposto se tornam um vício e isso é ruim. Mas o que é ruim pode seguir o caminho oposto também.

Atenciosamente
Marcio Moya

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: